Antes mesmo da chegada da pandemia do novo coronavírus, que limitou consideravelmente o número de convidados permitidos em cada celebração e nas festas,  um formato mais intimistas para casamentos já vinha tomando o gosto de muitos noivinhos pelo Brasil: o mini wedding! 


Embora a tradição por aqui seja de celebrar com o máximo de pessoas queridas em volta, o “mini wedding”, que significa “mini casamento” em português, traz a proposta de reunir apenas os mais próximos para celebrar o amor. 


Quer entender um pouco mais sobre a tendência? Então, continue lendo e tire todas as suas dúvidas abaixo! Separamos pontos muito importantes sobre o tema, que você não pode  deixar de conferir. Acompanhe! 

O que é um mini wedding 

Composto por uma lista de até 100 convidados, o mini wedding é pensado para a comemoração de um momento muito importante na vida do casal de maneira intimista, contando apenas com os convidados mais próximos. 


Quem já fez ou participou da organização de uma festa sabe o quanto é difícil fazer uma lista de convidados, principalmente se a quantidade for limitada. Imagine, então, conseguir montar uma lista limitada para um evento desse porte? Pode parecer difícil, mas definitivamente não é impossível.

Vantagens do mini wedding

Se engana quem pensa que uma festa de casamento com uma lista de convidados reduzida não consegue ser tão boa quanto as comemorações mais tradicionais. 


Pelo contrário! Uma das principais vantagens do mini wedding é justamente conseguir criar um momento ainda mais aconchegante e caprichado para receber bem seus convidados. 


Com a redução do orçamento, que se difere totalmente do modelo comum, é possível investir o dinheiro dos noivos em aprimoramentos para a festa e mimos para as pessoas queridas que estarão prestigiando esse dia tão importante para o casal. 

Como montar a lista para o mini wedding?

Como vimos, respeitar a quantidade de convidados é um fator primordial para esse formato de casamento. No mini wedding, assim como nos demais formatos, esse fator poderá interferir diretamente em decisões importantes, como o local da celebração e da recepção, o buffet, a decoração e até mesmo a data do casamento. 


Por isso, na hora de escolher seus convidados, priorize as pessoas com quem você e seu par possuem uma relação mais íntima, quem realmente fez e faz parte da história do casal desde o começo. 

Pontos de atenção adicionais

Familiares e parentes verdadeiramente próximos que partilharam momentos junto com vocês e amigos do casal devem ocupar boa parte da lista. Colegas de trabalho ou de outros ambientes como grupos particulares, cursos, etc são convites que valem uma avaliação mais criteriosa nesse caso. 


Afinal, se a proposta da festa é ser intimista e aconchegante vocês certamente não vão querer que ninguém fique sobrando. 


Nesse caso, os colegas escolhidos devem ser aqueles que fazem parte do dia a dia dos noivos mesmo fora dos encontros marcados. 



Por fim, considere bem se vocês possuem liberdade suficiente para partilhar acontecimentos pessoais, uma vez que esse momento é bem particular na vida do casal e daqueles que acompanham a trajetória dos dois. 


Gostou das nossas dicas? Então não deixe de conferir nosso post sobre organização de casamento para arrasar em todos os detalhes do grande dia! Além disso, também não deixe de conhecer nosso ebook especial para noivas!